6.8.13

Olho Vivo (1988 - 2013) 25 Anos de luta pelos Direitos de Cidadania

A 15-07-2013 fez 25 anos que o foi constituída a Associação Olho Vivo então designada Associação Juvenil Olho Vivo e a partir de 15-04-1998 Olho Vivo – Associação para a Defesa do Património, Ambiente e Direitos Humanos. 
Nascida do sonho e da irreverência de um grupo de jovens que 2 anos antes tinham fundado o jornal juvenil Olho Vivo, que não queriam ser cidadãos e cidadãs passiv@s e queriam ter palavra nas grandes transformações que ocorriam em Portugal e no Mundo, acreditando que um mundo melhor é possível.

De Associação juvenil, que lutou sempre pelos direitos d@s jovens, a ONGA, que se destacou nos combates contra a eucaliptização do país, o nuclear, as barragens do Côa e do Sabor, na defesa do Alqueva à cota 139, na defesa das gravuras do Côa, da pista de pegadas de dinossáurios de Carenque, no combate ao caos do betão, na defesa de Colaride como parque natural e cultural e da Serra da Carregueira entre tantos outros combates em defesa do património natural e cultural.


A estes somam-se as lutas por direitos iguais dos imigrantes estando presente na organização dos primeiros fóruns realizados em Portugal e das primeiras manifestações de rua pela regularização de todos os imigrantes que viviam e trabalhavam em Portugal e por direitos iguais.
O combate ao racismo, a defesa dos direitos das minorias étnicas como a Comunidade Cigana, a defesa da igualdade de género e o combate à homofobia sempre estiveram presentes no dia a dia da Olho Vivo, assim como a solidariedade com os povos em luta pelos seus direitos, Timor Leste, Palestina, Sahara, os povos indígenas entre outros.
Nos últimos anos a Associação desenvolveu um intenso trabalho social e comunitário de combate à pobreza, à exclusão social, à violência doméstica, de apoio a todos(as) que de alguma forma se sentiram atingidos nos seus direitos de cidadania fossem eles económicos, sociais, religiosos, sexuais  ou políticos. Só em 2012 realizamos mais de 14 mil atendimentos para dar o nosso apoio às pessoas que o procuraram.

Direitos de cidadania, defesa dos direitos humanos, direitos e deveres iguais para todos e todas independentemente da cor da pele, da etnia, nacionalidade, religião, sexo ou orientação sexual, defesa do património natural e cultural, fazem parte do ADN da OLHO VIVO.
Aos quase 9 mil sócios e sócias que passaram pela Olho Vivo, aos amigos e amigas que connosco privaram em simples eventos ou em lutas complexas ou que simplesmente nos trouxeram um incentivo e palavra amiga, às dezenas e dezenas de associações que por todo o país partilharam ideais e que connosco intervieram e lutaram por um Portugal e um Mundo melhor, às instituições que nos apoiaram, para todos(as) o nosso abraço de amizade pela vossa ajuda sem a qual a nossa existência não seria possível.
Tal como durante estes 25 anos podem contar com a Olho Vivo para lutar por mais justiça social, mais cidadania plena, por direitos e deveres iguais para todos e todas, pois acreditamos que um mundo melhor é possível.

 

O Nosso Objecto:


Art.º 3
(Objectivos)

  1. Divulgar e defender o Património cultural, histórico e natural.
  2. Fomentar a Educação Ambiental e a Eco-cidadania, zelar pela conservação da Natureza e a qualidade de vida, defendendo os direitos ambientais.
  3. Defender os direitos humanos e a cidadania plena. Nomeadamente: 

    - Desenvolver a solidariedade e a fraternidade combatendo a pobreza, a exclusão social, o racismo, a xenofobia e a homofobia;
    - Promover o multiculturalismo como parte integrante de uma cidadania plena e universalista;
    - Defender os direitos das mulheres, combatendo todas as formas de discriminação e violência sobre elas e promovendo a sua afirmação social, económica e política e a sua participação paritária em todas as esferas de decisão.


  4. Desenvolver a solidariedade e a fraternidade combatendo a pobreza, a exclusão social, o racismo, a xenofobia e a homofobia;
  5. Promover o multiculturalismo como parte integrante de uma cidadania plena e universalista;
  6. Defender os direitos das mulheres, combatendo todas as formas de discriminação e violência sobre elas e promovendo a sua afirmação social, económica e política e a sua participação paritária em todas as esferas de decisão.
V

 


Contacto:

olhovivo.viseu@gmail.com